Skip to main content
MEI: 6 Passos para você se formalizar

MEI: 6 Passos para você se formalizar

Ter um Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) tem impulsionado o negócio de milhões de brasileiros.

De acordo com uma pesquisa feita pelo Sebrae com Microempreendedores Individuais (MEI), 78% deles afirmaram que a formalização os ajudou a vender mais e oito em cada dez que recomendariam fortemente o registro formal para outros empreendedores que ainda estejam na informalidade.

O processo de formalização é rápido e pode ser feito de forma gratuita no Portal do Empreendedor, no campo Fomalize-se.

Abaixo, confira um passo a passo para você formalizar o seu negócio:

1. Informe-se 

Leia os textos sobre o MEI no portal Sebrae ou no Portal do Empreendedor.

Se precisar, confira o que diz a Lei Complementar nº 128/2008 e quais são os critérios exigidos para que o empreendedor se enquadre como Microempreendedor Individual.

Consulte as Ideias de Negócio do Sebrae e verifique quais são as atividades permitidas para o MEI para certificar-se que seu negócio se enquadra nas ocupações autorizadas.

Consulte a prefeitura do seu município a respeito da viabilidade do exercício da sua atividade no endereço que pretende (inclusive para comércio ambulante). Isso pode evitar problemas futuros com a fiscalização.

2. Cadastro

Preencha as informações cadastrais no formulário de inscrição, que está disponível no Portal do Empreendedor. São etapas simples e rápidas de preencher:

Para iniciar o processo, você vai precisar inserir números do seu CPF, data de nascimento, título de eleitor ou o recibo da última declaração do imposto de renda, caso tenha declarado nos últimos dois anos. Não é necessário anexar nenhum deles no cadastro.

Na segunda etapa, você se identifica. É nesse momento que você pode colocar o nome fantasia da sua empresa.

Na terceira, marque as atividades que irá realizar, dentre as permitidas para o MEI. Preencha como ocupação principal aquela que você mais irá exercer. É permitida a inclusão de até outras 15 atividades secundárias. É aí também que você deve marcar onde irá atuar: em casa, em endereço comercial, como ambulante, porta-a-porta, via internet, etc.

Na quarta, você coloca o CEP do seu endereço residencial e o CEP de onde irá funcionar a sua empresa.

A quinta etapa é para você concordar com algumas declarações, como a opção pelo Simples. Leia tudo atentamente e marque todas as opções.

A última etapa é digitar o código de confirmação que você receberá no celular informado. Pronto, você está formalizado!

Atenção: após preencher corretamente todas as etapas, você terá acesso ao Certificado de Condição de Microempreendedor Individual, que contém o seu CNPJ, o registro na Junta Comercial e o alvará provisório de funcionamento.

Em caso de dúvidas, sobre o programa ou o formulário, entre em contato com o Sebrae. Além disso, existe uma relação de empresas contábeis que também auxiliam no processo de formalização gratuitamente.

3. Documentação

Não é necessário anexar nenhum documento durante o processo e, depois de concluído, também não é necessário enviá-los à Junta Comercial.

Porém, após finalizar o cadastro e se formalizar, é a hora de imprimir e guardar os documentos necessários para comprovar sua formalização e mantê-la em dia:

Certificado da Condição de Microempreendedor Individual – É o documento que comprova que você é MEI.

Boleto de Pagamento Mensal (DAS) – É o documento para o pagamento da contribuição mensal devida pelo MEI. Além disso, você tem a opção de fazer o pagamento por débito automático ou por pagamento online.

Relatório Mensal de Receitas Brutas (um para cada mês) – não é obrigatório, mas o modelo para o registro das receitas mensais é importante para auxiliá-lo a fazer a Declaração Anual Simplificada (DASN).

O único documento que será necessário obter fora do Portal do Empreendedor é a nota fiscal. Saiba como abaixo.

4. Nota fiscal

O MEI não precisa emitir nota fiscal quando o usuário final for pessoa física. Mas deve apresentar nota quando o destinatário da mercadoria ou serviço for uma outra empresa.

Para fazer a nota fiscal, siga esses passos:

Procure a Secretaria de Fazenda estadual (para as atividades de vendas e/ou serviços de transporte intermunicipal e interestadual) ou do Município (para atividades de prestação serviços e/ou serviços de transporte municipal) para solicitar a Autorização de Impressão de Nota Fiscal – AIDF.

Com a autorização, procure uma gráfica para confeccionar os talões (blocos) de notas fiscais.
O MEI poderá solicitar às Secretarias de Fazendas estadual ou municipal a emissão de nota fiscal avulsa, impressa ou eletrônica, sempre que necessário, caso não tenha autorizado a emissão dos talões próprios de Notas Fiscais.

5. Nota fiscal eletrônica

É importante lembrar que o MEI não tem a obrigação de emitir Nota Fiscal Eletrônica-NF-e, conforme prevê  aResolução do Comitê Gestor do Simples Nacional nº 94/2011.

Porém, se preferir, tem o direito a realizar a emissão da NF-e, se disponibilizada pelo estado.

Consulte como funciona a Nota Fiscal Eletrôncia na sua cidade.

6. Aprofunde-se

Conheça o curso a distância Microempreendedor Individual, que ensina aos trabalhadores informais a importância de se legalizar e seus benefícios.

Plano de Saúde Mapf ADPESP

Plano de Saúde Mapfre ADPESP

Plano de Saúde Mapfre ADPESP é uma parceria entre a ADPESP e a Mapfre para disponibilizar um Plano de Saúde para Dentistas. É um plano com qualidade empresarial e com valores até 40% mais em conta que um plano de saúde individual ou familiar.

O Plano de Saúde Mapfre ADPESP é um plano de saúde coletivo por adesão que só é negociado para entidade de classe como a ADPESP. Contratar um plano de saúde através de uma entidade de classe é em média até 40% mais barato. Isso por que entidade de classe, devido o grande número de associados, consegue negociar com as operadoras valores, taxas e reajustes que favoreçam a classe que a mesma representa.

Quem pode Aderir?

Para usufruir do desconto na contratação do Plano de Saúde Mapfre ADPESP, é necessário estar inscrito na ADPESP. O titular do convênio médico poderá adicionar dependentes para usufruir do benefício também, desde que sejam:

  • Cônjuges;
  • Companheiro(a);
  • Filhos(as), adotivos ou não e enteados;
  • O menor que, por determinação judicial se encontre sob a guarda e responsabilidade do beneficiário titular ou sob sua tutela;
  • Filhos de qualquer idade comprovadamente incapazes.

Conheça a Mapfre

Para a Mapfre, a sua saúde e a dos colaboradores da sua empresa é um bem precioso demais – e que deve estar sempre em primeiro lugar. Nossa filosofia principal sempre foi esta: cuidar de pessoas.

A Mapfre enxerga em cada momento uma oportunidade de motivá-lo a ter mais atenção com a própria saúde, algo que vai desde a prevenção de doenças e adoção de hábitos saudáveis até o cuidado com a sua saúde bucal – afinal, dentes e gengivas saudáveis são importantes não apenas para a boca, mas para o bom funcionamento de todo o organismo.

Só uma empresa como a MAPFRE Saúde poderia desenvolver um programa personalizado com atividades e dicas que acompanham cada estilo de vida e promovem soluções que melhoram, além da sua saúde, a satisfação e o ambiente da sua empresa. Tudo de forma integrada e inovadora.

Então você sabe: com a MAPFRE Saúde, você pode contar com uma completa rede de médicos, dentistas, consultórios, laboratórios e hospitais de alta qualidade.

Os melhores serviços de saúde – para quem sempre merece o melhor: você.

Plano de Saúde Mapfre ADPESP: Área de Comercialização

Os planos mencionados neste material podem ser comercializados nos municípios de Arujá, Barueri, Biritiba-Mirim, Caieiras, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Diadema, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Ferraz de Vasconcelos, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guararema, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Itapevi, Itaquaquecetuba, Jandira, Juquitiba, Mairiporã, Mauá, Mogi das Cruzes, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Poá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Salesópolis, Santa Isabel, Santana de Parnaíba, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São Lourenço da Serra, São Paulo, Suzano, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista.

Plano de Saúde Mapfre ADPESP: Planos Dispóníveis

CaracterísticasPersonalPlenoExclusivo
Extensa Rede Credenciada, Incluindo hospitais, médicos, clínicas e laboratórios.
Central de Atendimento 24 Horas
Portal e aplicativo com informações gerais do produto, dados cadastrais, rede credenciada, extrato de utilização e coparticipação.
Desconto Farmácia
Programas de Saúde
Coberturas pelo rol da ANS
Abrangência nacional
Acomodação enfermaria
Acomodação apartamento
Assistências Auto + Casa
Assistência Concierge
Assistência Viagem

PERSONAL

Plano Coletivo Empresarial, registro ANS n° 472338144

Acomodação: Enfermaria

PLENO

Plano Coletivo Empresarial, registro ANS n° 472337146

Acomodação: Apartamento

EXCLUSIVO

Plano Coletivo Empresarial, registro ANS n°472336148

Acomodação: Apartamento


Faça uma Cotação sem Compromisso


Plano de Saúde Mapfre

Plano de Saúde Mapfre

O Plano de Saúde Mapfre conta com uma seleta rede de prestadores com abrangência nacional e planos com acomodação em enfermaria e apartamento, além de cobertura ambulatorial e hospitalar, conforme Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde da Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS.

Plano de Saúde Mapfre: Sobre a Mapfre

A Mapfre enxerga em cada momento uma oportunidade de motivá-lo a ter mais atenção com a própria saúde, algo que vai desde a prevenção de doenças e adoção de hábitos saudáveis até o cuidado com a sua saúde bucal – afinal, dentes e gengivas saudáveis são importantes não apenas para a boca, mas para o bom funcionamento de todo o organismo.

Só uma empresa como a MAPFRE Saúde poderia desenvolver um programa personalizado com atividades e dicas que acompanham cada estilo de vida e promovem soluções que melhoram, além da sua saúde, a satisfação e o ambiente da sua empresa. Tudo de forma integrada e inovadora.

Então você sabe: com a MAPFRE Saúde, você pode contar com uma completa rede de médicos, dentistas, consultórios, laboratórios e hospitais de alta qualidade.

Os melhores serviços de saúde – para quem sempre merece o melhor: você.

Quem pode Aderir

O plano de saúde Mapfre no momento é comercializa apenas na categoria de plano de sáude coletivo por adesão. Dessa maneira para aderir é necessário ser associado em alguma das associações ou conselhos abaixo:

  • ADPESP | Delegado
  • APAMAGIS | Magistrado
  • APCD | Cirurgião-Dentista e Estudante
  • APESP | Procurador
  • APMSP | Procurador
  • CORECON-SP | Economista e Estudante
  • CRMV-SP | Veterinário
  • CRN-3 | Nutricionista e Técnico
  • CRQ-IV | Químico
  • MÚTUA | Profissional do CREA
  • SEESP | Enfermeiro e Técnico
  • SINDCONT-SP | Contabilista e Estudante
  • SINDPF-SP | Delegado de Polícia Federal
  • SINPEEM | Profissional de Educação

Plano de Saúde Mapfre: Plano Disponíveis

CaracterísticasPersonalPlenoExclusivo
Extensa Rede Credenciada, Incluindo hospitais, médicos, clínicas e laboratórios.
Central de Atendimento 24 Horas
Portal e aplicativo com informações gerais do produto, dados cadastrais, rede credenciada, extrato de utilização e coparticipação.
Desconto Farmácia
Programas de Saúde
Coberturas pelo rol da ANS
Abrangência nacional
Acomodação enfermaria
Acomodação apartamento
Assistências Auto + Casa
Assistência Concierge
Assistência Viagem

 

Área de Comercialização

Os planos mencionados neste material podem ser comercializados nos municípios de Arujá, Barueri, Biritiba-Mirim, Caieiras, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Diadema, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Ferraz de Vasconcelos, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guararema, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Itapevi, Itaquaquecetuba, Jandira, Juquitiba, Mairiporã, Mauá, Mogi das Cruzes, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Poá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Salesópolis, Santa Isabel, Santana de Parnaíba, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São Lourenço da Serra, São Paulo, Suzano, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista.

 


Faça uma Cotação sem Compromisso


Plano de Saúde Mapfre APCD

Plano de Saúde Mapfre APCD

O Plano de Saúde Mapfre APCD é uma parceria entre a APCD e a Mapfre para disponibilizar um Plano de Saúde para Dentistas. É um plano com qualidade empresarial e com valores até 40% mais em conta que um plano de saúde individual ou familiar.

O Plano de Saúde Mapfre APCD é um plano de saúde coletivo por adesão que só é negociado para entidade de classe como a APCD. Contratar um plano de saúde através de uma entidade de classe é em média até 40% mais barato. Isso por que entidade de classe, devido o grande número de associados, consegue negociar com as operadoras valores, taxas e reajustes que favoreçam a classe que a mesma representa.

Quem pode Aderir?

Para usufruir do desconto na contratação do Plano de Saúde Mapfre APCD, é necessário que o Cirurgão-Dentista esteja em dia com a tesouraria da APCD. O Dentista será o titular do convênio médico e poderá adicionar dependentes para usufruir do benefício também, desde que sejam:

  • Cônjuges;
  • Companheiro(a);
  • Filhos(as), adotivos ou não e enteados;
  • O menor que, por determinação judicial se encontre sob a guarda e responsabilidade do beneficiário titular ou sob sua tutela;
  • Filhos de qualquer idade comprovadamente incapazes.

Conheça a Mapfre

Para a Mapfre, a sua saúde e a dos colaboradores da sua empresa é um bem precioso demais – e que deve estar sempre em primeiro lugar. Nossa filosofia principal sempre foi esta: cuidar de pessoas.

A Mapfre enxerga em cada momento uma oportunidade de motivá-lo a ter mais atenção com a própria saúde, algo que vai desde a prevenção de doenças e adoção de hábitos saudáveis até o cuidado com a sua saúde bucal – afinal, dentes e gengivas saudáveis são importantes não apenas para a boca, mas para o bom funcionamento de todo o organismo.

Só uma empresa como a MAPFRE Saúde poderia desenvolver um programa personalizado com atividades e dicas que acompanham cada estilo de vida e promovem soluções que melhoram, além da sua saúde, a satisfação e o ambiente da sua empresa. Tudo de forma integrada e inovadora.

Então você sabe: com a MAPFRE Saúde, você pode contar com uma completa rede de médicos, dentistas, consultórios, laboratórios e hospitais de alta qualidade.

Os melhores serviços de saúde – para quem sempre merece o melhor: você.

Plano de Saúde Mapfre APCD: Área de Comercialização

Os planos mencionados neste material podem ser comercializados nos municípios de Arujá, Barueri, Biritiba-Mirim, Caieiras, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Diadema, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Ferraz de Vasconcelos, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guararema, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Itapevi, Itaquaquecetuba, Jandira, Juquitiba, Mairiporã, Mauá, Mogi das Cruzes, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Poá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Salesópolis, Santa Isabel, Santana de Parnaíba, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São Lourenço da Serra, São Paulo, Suzano, Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista.

Plano de Saúde Mapfre APCD: Planos Dispóníveis

CaracterísticasPersonalPlenoExclusivo
Extensa Rede Credenciada, Incluindo hospitais, médicos, clínicas e laboratórios.
Central de Atendimento 24 Horas
Portal e aplicativo com informações gerais do produto, dados cadastrais, rede credenciada, extrato de utilização e coparticipação.
Desconto Farmácia
Programas de Saúde
Coberturas pelo rol da ANS
Abrangência nacional
Acomodação enfermaria
Acomodação apartamento
Assistências Auto + Casa
Assistência Concierge
Assistência Viagem

PERSONAL

Plano Coletivo Empresarial, registro ANS n° 472338144

Acomodação: Enfermaria

PLENO

Plano Coletivo Empresarial, registro ANS n° 472337146

Acomodação: Apartamento

EXCLUSIVO

Plano Coletivo Empresarial, registro ANS n°472336148

Acomodação: Apartamento


Faça uma Cotação sem Compromisso


MEI: Cartilha mostra as vantagens, direitos e deveres dos microempreendedores

MEI: Cartilha mostra as vantagens, direitos e deveres dos microempreendedores

Você já ouviu falar no microempreendedor individual (MEI), mas não sabe muito bem o que esse regime tributário traz de bom ou ruim para você?

Pensando em auxilar pessoas que querem saber mais sobre o MEI, o Sebrae criou uma cartilha, que mostra as vantagens, direitos e obrigações desses empreendedores.

Você também descobrirá o que fazer para virar MEI, o limite de faturamento que os microempreendimentos podem atingir e como fazer a declaração anual obrigatória.

Acesse o conteúdo neste link. Boa leitura!

MEI pode fazer o Plano de Saúde Bradesco?

MEI pode fazer o Plano de Saúde Bradesco?

MEI pode fazer o Plano de Saúde Bradesco, assim como vários outros planos de outras operadoras. A limitação nesse caso fica imposta apenas na quantidade de beneficiários. Em quanto alguns Planos de Saúde Empresariais limita ao minimo de dois (02) o Bradesco exige o minimo de três (3) integrantes.

Você pode estar pensando, “Mas MEI só pode contratar um Funcionário”, sim verdade. Porem a maioria dos planos de saúde exige que apenas um (01) seja o titular do plano empresarial, e esse titular sim deve comprovar vinculo empresarial. Isso significa que, o Micro Empreendedor Individual – MEI, pode se colocar como Titular com seu CNPJ e adicionar beneficiários como:

  • Cônjuges
  • Companheiro(a)
  • Filhos(as), adotivos ou não e enteados
  • Pai, Mãe e Irmãos
  • entre outros

Contratando o plano Bradesco Saúde MEI o Microempreendedor Individual terá acesso a um plano de saúde empresarial com o peso da marca Bradesco. Desde 1984 a Bradesco Saúde trabalha com planos de saúde e odontológicos. Hoje com mais de 4 milhões de segurados em todo o brasil é líder no mercado.

É importante ressaltar que o Plano de Saúde do Bradesco Saúde é na verdade um Seguro Saúde. Isso significa que, o segurado além de contar com uma rede referenciada com milhares de consultórios, clínicas, laboratórios e hospitais também poderá escolher seus próprios médicos e prestadores de serviços. Ao utilizar um prestador de serviço fora da rede referenciada a Bradesco Saúde efetuará o Reembolso das despesas médicas e hospitalares.

Vantagens

Rede Referenciada

A rede da Bradesco Saúde MEI se caracteriza pela qualidade de seus prestadores e pela dimensão dos serviços assistenciais. São diversos consultórios médicos, clínicas especializadas, serviços de diagnóstico e hospitais, distribuídos por municípios em todo o país.

Livre escolha de Prestadores

Na Bradesco Saúde MEI, o segurado pode solicitar o reembolso das despesas efetuadas com profissional ou serviço que não faça parte da Rede Referenciada.

Programa Meu Doutor

É um serviço pioneiro e exclusivo da Bradesco Saúde. Com ele, o segurado pode fazer consultas com profissionais que foram criteriosamente selecionados por prezarem pela qualidade no atendimento e pelo cuidado assistencial.

Desconto Farmácia

Oferece a todos os clientes da Bradesco Saúde descontos de até 85% em medicamentos de marca e genéricos. São mais de 2.400 itens com desconto, que podem ser adquiridos em cerca de 11 mil farmácias credenciadas, em aproximadamente 1.800 municípios pelo país.

Segunda Opinião Médica

Com o objetivo de enriquecer o diagnóstico e auxiliar na escolha do tratamento mais adequado, o programa Segunda Opinião Médica proporciona mais tranquilidade e segurança ao Segurado, em caso de indicação cirúrgica.

Benefícios Exclusivos

Existem diversos benefícios exclusivos na área de saúde da operadora de convênio Bradesco disponível para o plano de saúde empresarial, entre eles:

  • Até 50% de desconto em academias;
  • Até 10% de desconto na compra de bicicletas;
  • Até 20% de desconto em serviços de Spa;
  • Até 50% de desconto em pilates;
  • Até 20% de desconto em óticas;
  • Até 50% de desconto em locação de automóveis;
  • Até 60% de desconto em ingressos;
  • Até 50% de desconto em escolas de músicas;
  • Até 12% de desconto em pacotes de viajem nacional e internacional;
  • Condições especiais de pagamento em Paintball;
  • Entre outros serviços.

Hospitais de Destaque em São Paulo

Hospital São Camilo
Hospital São Camilo

Brades Saúde possui uma rede credencia em todo o Brasil, abaixo segue alguns renomados do estado de São Paulo.

  • Hospital São Camilo: o Hospital conta com três unidades, possui 750 leitos, conta com uma grande rede de profissionais qualificados. O hospital administra 33 hospitais que oferecem atendimento público.
  • Hospital e Maternidade Brasil: localizado em Santo André – São Paulo/SP o hospital é certificado internacionalmente pelo Selo Canadense Qmentum. Possui espaço multidisciplinar para tratamento das doenças relacionadas à obesidade mórbida.
  • Hospital Bartira: Localizado em Santo André – São Paulo/SP, o hospital é parte da Rede Dor São Luiz, que possui 30 unidades em São Paulo, no Rio de Janeiro, em Pernambuco e no Distrito Federal.

Avaliação do Plano de Saúde Bradesco na ANS

A ANS (Agencia Nacional de Saúde) é o órgão regulador de todas as operadoras de planos de saúde. A Bradesco Saúde está registrada sobre o número 005711. Com esse número você pode entrar no site da ANS e verificar todas as informações da operadora.

As notas de desempenho da ANS variam de 0 à 1 e levam em consideração os seguintes critérios de avaliação:

  • IDGA – Garantia de Acesso
  • IDGR – Gestão de Processos e Regulação
  • IDQS – Qualidade em Atenção à Saúde
  • IDSM – Sustentabilidade no Mercado

Com todos esses critérios analisados a Nota Geral do Plano de Saúde Bradesco é: 0,8820

O Plano de Saúde da Bradesco Saúde MEI, possuiu uma ótima avaliação perante a ANS.

Plano de Saúde Bradesco no Reclame Aqui

O Reclame Aqui é o site mais usado no Brasil para fazer reclamações de empresas, quando os métodos convencionais de atendimento não resolvem o problema. Antes de contratar qualquer serviço, verificar a empresa no Reclame Aqui é uma ótima ideia.

É importante ressaltar que problemas sempre existirão em todas as empresas que prestam serviços, o que realmente importa é a habilidade da empresa em atender, ouvir e resolver os problemas apresentados por seus clientes.

O Plano de Saúde Bradesco possui no Reclame Aqui uma avaliação BOM com os seguintes números:

  • 6245 reclamações efetuadas;
  • 6228 reclamações respondidas;
  • 99.7% de reclamações atendidas;
  • Índice de solução de 80.5%.
Com avaliação na ANS de 0,8820, com 99.7% de reclamações atendidas e um Índice de solução de 80.5% certamente a Bradesco Saúde é a escolha certa para você MEI – Microempreendedor Individual.

Entre em Contato

Somos uma corretora de seguros com mais de 10 anos de atuação no mercado. Temos profissionais preparados para lhe atender e oferecer a melhor opção considerando custo x benefícios para o seu Plano de Saúde para MEI.

Faça uma Cotação sem Compromisso


Sebrae-SP tem 210 vagas para ajudar o MEI melhorar na Baixada Santista

Sebrae-SP tem 210 vagas para ajudar o MEI melhorar na Baixada Santista

Cinco dias de aprendizado para melhorar a gestão do negócio. Essa é a programação do Super MEI Gestão, programa gratuito do Sebrae-SP voltado para Microempreendedores Individuais (MEIs) e potenciais empresários. São 8 mil vagas abertas em todo o Estado de São Paulo e 210 para a região da Baixada Santista. Ao final do programa, os participantes formalizados como MEI poderão solicitar crédito do programa Juro Zero.

O Super MEI Gestão inclui cinco oficinas, uma por dia, com os seguintes temas: planejamento, controle de dinheiro, formação de preço, vendas e inovação. As capacitações serão realizadas entre os dias 28 de novembro e 21 de dezembro.

De acordo com a consultora do Sebrae-SP Mariane Primazelli, a falta de gestão é um dos principais fatores que levam os pequenos negócios à falência prematura. Por isso, o Super MEI Gestão tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento sustentável dos negócios.

Pesquisa do Sebrae mostra que 38,8% dos MEIs não fazem o registro das receitas no dia a dia. Já 47% responderam que controlam a entrada de dinheiro no negócio em um caderno e 16,5% em um computador. “O MEI precisa conhecer seus custos para saber quanto cobrar pelos produtos ou serviços e saber se o negócio está sendo viável. Ele não pode crescer sem controle”, afirma Primazelli.

>> As inscrições podem ser feitas clicando aqui ou pelo telefone 0800 570 0800

Crédito com juro zero
Para quem já é MEI, os cursos do Super MEI Gestão dão ainda a possibilidade de o empreendedor conseguir crédito de R$ 1 mil a R$ 20 mil para investir em seu negócio, dentro do programa Juro Zero Empreendedor, desde que não esteja com restrições cadastrais.

O valor pode ser destinado para compra de produtos e serviços pretendidos para o exercício das atividades do microempreendedor, tais como: equipamentos, acessórios para veículos, veículos utilitários, motocicletas, ciclomotores e ferramentas para trabalho. O prazo de pagamento do empréstimo é de até 36 meses, com carência de até seis. Para os empreendedores que pagarem em dia, o juro é zero.

Os 3 melhores planos de saúde para mei

Os 3 Melhores Planos de Saúde para MEI

Após formalizado através do Simples Nacional o Microempreendedor Individual (MEI) tem acesso ao CNPJ. Com o CNPJ ativo o MEI pode emitir notas fiscais, abrir conta empresarial em banco, solicitar empréstimos e tem acesso aos Planos de Saúde Empresarial que são mais baratos e com a mesma qualidade de atendimento oferecida para grandes empresas.

Cada operadora de plano de saúde tem suas próprias regras de comercialização e algumas exigem um número mínimo de participantes para fechar um contrato de Plano de Saúde Empresarial. Importante ressaltar que todas estão exigindo um mínimo de 02 vidas, sendo 1 titular e um dependente. A boa notícia é que para algumas operadoras esse dependente não precisa ser necessariamente um funcionário, pode ser um familiar por exemplo.

Abaixo confira as 3 melhores operadoras que estão fornecendo plano de saúde para mei com apenas 1 titular + 1 dependente (podendo ser um familiar):

1. Notredame Intermédica

Esta entre as melhores operadoras do país e possui uma média de 3,6 milhões de beneficiários. A NotreDame GNDI possui rede própria com 70 Centros Clínicos, 20 prontos-socorros e 17 hospitais. As Unidades possuem estrutura para proporcionar qualidade, segurança e acolhimento, com inúmeras especialidades para os públicos adulto e infantil.

Avaliação na ANS (nota de 0 à 1): 0.8898
Avaliação no Reclame Aqui: BOM

2. Amil

A Amil possui uma estrutura com 8 filiais em todo o Brasil. Essas filiais são localizadas em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Campinas, Belo Horizonte, Brasília, Recife e Fortaleza. Possui 1.818 Hospitais, 6.728 Laboratórios credenciados, 21.241 Consultórios e clínicas credenciadas e mais de 6,1 Milhões de clientes.

Avaliação na ANS (nota de 0 à 1): 0.7581
Avaliação no Reclame Aqui: BOM

3. One Health

A One Health foi lançada em 2009, em São Paulo, com o propósito de proporcionar soluções diferenciadas, inovadoras e relevantes para a saúde e a qualidade de vida dos seus clientes.

Avaliação na ANS (nota de 0 à 1): 0.8898
Avaliação no Reclame Aqui: BOM


Faça uma Cotação sem Compromisso


 

No Dia do Empreendedor, conheça os benefícios do MEI

No Dia do Empreendedor, conheça os benefícios do MEI

No Brasil, 5 de outubro é a data reservada no calendário para a celebração do Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa, também conhecido como o Dia do Empreendedor. Atualmente, o profissional dessa categoria é conhecido pela sigla MEI, ou Microempreendedor Individual. Já são mais de 7,4 milhões de brasileiros formalizados, que têm acesso a uma série de direitos, como benefícios previdenciários, a possibilidade de emitir notas fiscais e a oportunidade de vender seus produtos para o governo. Quer saber como se tornar um microempreendedor individual? Confira abaixo as principais informações sobre o MEI.

Requisitos

Para se tornar MEI, todo brasileiro deve atender às seguintes condições: ter faturamento limitado a R$ 81 mil por ano; não participar como sócio, administrador ou titular de outra empresa; ter, no máximo, um empregado; e exercer uma das atividades previstas na Resolução CGSN nº 140, de 2018. Além disso, é necessário ter, pelo menos, 18 anos de idade. A exceção ocorre nos casos de pessoas maiores de 16 anos e menores de 18 anos que sejam legalmente emancipadas.

Pensionistas e servidores públicos federais em atividade não podem fazer a inscrição no MEI. Já os servidores públicos estaduais e municipais devem ficar atentos às suas respectivas legislações locais, que podem variar de acordo com o estado ou município.

Como fazer

Totalmente gratuita, a formalização é feita pelo Portal do Empreendedor. Imediatamente após a conclusão do cadastro, é gerado o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual (CCMEI). O documento comprova a inscrição no CNPJ e na Junta Comercial do seu estado e vale como alvará de funcionamento do seu negócio.

Vantagens

Um dos principais benefícios do MEI é garantir a cobertura previdenciária não apenas dos empreendedores, mas também de seus dependentes. O sistema assegura o pagamento de aposentadoria por idade e por invalidez, auxílio-doença e salário-maternidade, desde que as carências previstas por lei tenham sido cumpridas. Já os dependentes têm direito à pensão por morte e ao auxílio reclusão.

A formalização como Microempreendedor Individual permite ainda o acesso a produtos e serviços bancários, como crédito; oferece apoio técnico do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), permite um baixo custo mensal com tributos; e garante a emissão do CNPJ sem burocracia, entre várias outras vantagens.

“É um programa simples, desburocratizado, gratuito, com redução a zero de todos os custos para a sua formalização”, destaca Fábio Silva, diretor de Empreendedorismo e Artesanato da Secretaria Especial da Micro e Pequena Empresa (SEMPE), vinculada ao Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

Obrigações

O dever do MEI é muito simples: basta pagar todo mês o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS), que é a maneira de o microempresário recolher impostos. O valor varia a cada ano de acordo com o salário mínimo. A quantia é definida da seguinte forma: 5% do salário mínimo vigente – valor que é destinado ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) – acrescido por R$ 5 de Imposto sobre Serviços (ISS), caso a atividade da empresa envolva serviços, ou por R$ 1 de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), se for comércio ou indústria.

Para imprimir o boleto de pagamento, basta acessar o Portal do Empreendedor ou baixar o aplicativo MEI Fácil. Além do DAS, os inscritos devem fazer anualmente a declaração do imposto de renda.

Notas fiscais

A emissão das notas fiscais é obrigatória quando o destinatário da mercadoria ou serviço for outra empresa, a não ser que esse destinatário emita nota fiscal de entrada. Quando o consumidor for pessoa física, no entanto, não é necessário emitir nota.

Atualização cadastral

Caso haja qualquer tipo de mudança nas informações pessoais do microempreendedor, como endereço, telefone e e-mail, por exemplo, o cadastro deve ser atualizado. “É fundamental isso para que o microempresário tenha acesso às políticas públicas formuladas para a categoria”, ressalta Fábio Silva.

Sebrae realiza palestra sobre como se tornar MEI na Capital

Sebrae realiza palestra sobre como se tornar MEI na Capital

O Sebrae/MS realiza no dia 26 de outubro, sexta-feira, em Campo Grande a palestra “Como se tornar um Microempreendedor Individual”, que acontece na sede da instituição (Av. Mato Grosso, 1661) em dois horários: pela manhã, das 08h30 às 10h30; e a tarde das 14h30 às 16h30.

Quem participar conhecerá as regras e requisitos necessários para a formalização; os valores com os quais o MEI deve contribuir e quais as responsabilidades o empreendedor terá; e as vantagens e benefícios ao se regularizar, como: emissão de nota discal, acesso a créditos especiais para pessoas jurídicas, auxílio-doença e maternidade, entre outros.

Inscrições e mais informações pela Loja Virtual ou na Central de Relacionamento do Sebrae, no 0800 570 0800.