Skip to main content
MEI: Cartilha mostra as vantagens, direitos e deveres dos microempreendedores

MEI: Cartilha mostra as vantagens, direitos e deveres dos microempreendedores

Você já ouviu falar no microempreendedor individual (MEI), mas não sabe muito bem o que esse regime tributário traz de bom ou ruim para você?

Pensando em auxilar pessoas que querem saber mais sobre o MEI, o Sebrae criou uma cartilha, que mostra as vantagens, direitos e obrigações desses empreendedores.

Você também descobrirá o que fazer para virar MEI, o limite de faturamento que os microempreendimentos podem atingir e como fazer a declaração anual obrigatória.

Acesse o conteúdo neste link. Boa leitura!

MEI pode fazer o Plano de Saúde Bradesco?

MEI pode fazer o Plano de Saúde Bradesco?

MEI pode fazer o Plano de Saúde Bradesco, assim como vários outros planos de outras operadoras. A limitação nesse caso fica imposta apenas na quantidade de beneficiários. Em quanto alguns Planos de Saúde Empresariais limita ao minimo de dois (02) o Bradesco exige o minimo de três (3) integrantes.

Você pode estar pensando, “Mas MEI só pode contratar um Funcionário”, sim verdade. Porem a maioria dos planos de saúde exige que apenas um (01) seja o titular do plano empresarial, e esse titular sim deve comprovar vinculo empresarial. Isso significa que, o Micro Empreendedor Individual – MEI, pode se colocar como Titular com seu CNPJ e adicionar beneficiários como:

  • Cônjuges
  • Companheiro(a)
  • Filhos(as), adotivos ou não e enteados
  • Pai, Mãe e Irmãos
  • entre outros

Contratando o plano Bradesco Saúde MEI o Microempreendedor Individual terá acesso a um plano de saúde empresarial com o peso da marca Bradesco. Desde 1984 a Bradesco Saúde trabalha com planos de saúde e odontológicos. Hoje com mais de 4 milhões de segurados em todo o brasil é líder no mercado.

É importante ressaltar que o Plano de Saúde do Bradesco Saúde é na verdade um Seguro Saúde. Isso significa que, o segurado além de contar com uma rede referenciada com milhares de consultórios, clínicas, laboratórios e hospitais também poderá escolher seus próprios médicos e prestadores de serviços. Ao utilizar um prestador de serviço fora da rede referenciada a Bradesco Saúde efetuará o Reembolso das despesas médicas e hospitalares.

Vantagens

Rede Referenciada

A rede da Bradesco Saúde MEI se caracteriza pela qualidade de seus prestadores e pela dimensão dos serviços assistenciais. São diversos consultórios médicos, clínicas especializadas, serviços de diagnóstico e hospitais, distribuídos por municípios em todo o país.

Livre escolha de Prestadores

Na Bradesco Saúde MEI, o segurado pode solicitar o reembolso das despesas efetuadas com profissional ou serviço que não faça parte da Rede Referenciada.

Programa Meu Doutor

É um serviço pioneiro e exclusivo da Bradesco Saúde. Com ele, o segurado pode fazer consultas com profissionais que foram criteriosamente selecionados por prezarem pela qualidade no atendimento e pelo cuidado assistencial.

Desconto Farmácia

Oferece a todos os clientes da Bradesco Saúde descontos de até 85% em medicamentos de marca e genéricos. São mais de 2.400 itens com desconto, que podem ser adquiridos em cerca de 11 mil farmácias credenciadas, em aproximadamente 1.800 municípios pelo país.

Segunda Opinião Médica

Com o objetivo de enriquecer o diagnóstico e auxiliar na escolha do tratamento mais adequado, o programa Segunda Opinião Médica proporciona mais tranquilidade e segurança ao Segurado, em caso de indicação cirúrgica.

Benefícios Exclusivos

Existem diversos benefícios exclusivos na área de saúde da operadora de convênio Bradesco disponível para o plano de saúde empresarial, entre eles:

  • Até 50% de desconto em academias;
  • Até 10% de desconto na compra de bicicletas;
  • Até 20% de desconto em serviços de Spa;
  • Até 50% de desconto em pilates;
  • Até 20% de desconto em óticas;
  • Até 50% de desconto em locação de automóveis;
  • Até 60% de desconto em ingressos;
  • Até 50% de desconto em escolas de músicas;
  • Até 12% de desconto em pacotes de viajem nacional e internacional;
  • Condições especiais de pagamento em Paintball;
  • Entre outros serviços.

Hospitais de Destaque em São Paulo

Hospital São Camilo
Hospital São Camilo

Brades Saúde possui uma rede credencia em todo o Brasil, abaixo segue alguns renomados do estado de São Paulo.

  • Hospital São Camilo: o Hospital conta com três unidades, possui 750 leitos, conta com uma grande rede de profissionais qualificados. O hospital administra 33 hospitais que oferecem atendimento público.
  • Hospital e Maternidade Brasil: localizado em Santo André – São Paulo/SP o hospital é certificado internacionalmente pelo Selo Canadense Qmentum. Possui espaço multidisciplinar para tratamento das doenças relacionadas à obesidade mórbida.
  • Hospital Bartira: Localizado em Santo André – São Paulo/SP, o hospital é parte da Rede Dor São Luiz, que possui 30 unidades em São Paulo, no Rio de Janeiro, em Pernambuco e no Distrito Federal.

Avaliação do Plano de Saúde Bradesco na ANS

A ANS (Agencia Nacional de Saúde) é o órgão regulador de todas as operadoras de planos de saúde. A Bradesco Saúde está registrada sobre o número 005711. Com esse número você pode entrar no site da ANS e verificar todas as informações da operadora.

As notas de desempenho da ANS variam de 0 à 1 e levam em consideração os seguintes critérios de avaliação:

  • IDGA – Garantia de Acesso
  • IDGR – Gestão de Processos e Regulação
  • IDQS – Qualidade em Atenção à Saúde
  • IDSM – Sustentabilidade no Mercado

Com todos esses critérios analisados a Nota Geral do Plano de Saúde Bradesco é: 0,8820

O Plano de Saúde da Bradesco Saúde MEI, possuiu uma ótima avaliação perante a ANS.

Plano de Saúde Bradesco no Reclame Aqui

O Reclame Aqui é o site mais usado no Brasil para fazer reclamações de empresas, quando os métodos convencionais de atendimento não resolvem o problema. Antes de contratar qualquer serviço, verificar a empresa no Reclame Aqui é uma ótima ideia.

É importante ressaltar que problemas sempre existirão em todas as empresas que prestam serviços, o que realmente importa é a habilidade da empresa em atender, ouvir e resolver os problemas apresentados por seus clientes.

O Plano de Saúde Bradesco possui no Reclame Aqui uma avaliação BOM com os seguintes números:

  • 6245 reclamações efetuadas;
  • 6228 reclamações respondidas;
  • 99.7% de reclamações atendidas;
  • Índice de solução de 80.5%.
Com avaliação na ANS de 0,8820, com 99.7% de reclamações atendidas e um Índice de solução de 80.5% certamente a Bradesco Saúde é a escolha certa para você MEI – Microempreendedor Individual.

Entre em Contato

Somos uma corretora de seguros com mais de 10 anos de atuação no mercado. Temos profissionais preparados para lhe atender e oferecer a melhor opção considerando custo x benefícios para o seu Plano de Saúde para MEI.

Faça uma Cotação sem Compromisso


Sebrae-SP tem 210 vagas para ajudar o MEI melhorar na Baixada Santista

Sebrae-SP tem 210 vagas para ajudar o MEI melhorar na Baixada Santista

Cinco dias de aprendizado para melhorar a gestão do negócio. Essa é a programação do Super MEI Gestão, programa gratuito do Sebrae-SP voltado para Microempreendedores Individuais (MEIs) e potenciais empresários. São 8 mil vagas abertas em todo o Estado de São Paulo e 210 para a região da Baixada Santista. Ao final do programa, os participantes formalizados como MEI poderão solicitar crédito do programa Juro Zero.

O Super MEI Gestão inclui cinco oficinas, uma por dia, com os seguintes temas: planejamento, controle de dinheiro, formação de preço, vendas e inovação. As capacitações serão realizadas entre os dias 28 de novembro e 21 de dezembro.

De acordo com a consultora do Sebrae-SP Mariane Primazelli, a falta de gestão é um dos principais fatores que levam os pequenos negócios à falência prematura. Por isso, o Super MEI Gestão tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento sustentável dos negócios.

Pesquisa do Sebrae mostra que 38,8% dos MEIs não fazem o registro das receitas no dia a dia. Já 47% responderam que controlam a entrada de dinheiro no negócio em um caderno e 16,5% em um computador. “O MEI precisa conhecer seus custos para saber quanto cobrar pelos produtos ou serviços e saber se o negócio está sendo viável. Ele não pode crescer sem controle”, afirma Primazelli.

>> As inscrições podem ser feitas clicando aqui ou pelo telefone 0800 570 0800

Crédito com juro zero
Para quem já é MEI, os cursos do Super MEI Gestão dão ainda a possibilidade de o empreendedor conseguir crédito de R$ 1 mil a R$ 20 mil para investir em seu negócio, dentro do programa Juro Zero Empreendedor, desde que não esteja com restrições cadastrais.

O valor pode ser destinado para compra de produtos e serviços pretendidos para o exercício das atividades do microempreendedor, tais como: equipamentos, acessórios para veículos, veículos utilitários, motocicletas, ciclomotores e ferramentas para trabalho. O prazo de pagamento do empréstimo é de até 36 meses, com carência de até seis. Para os empreendedores que pagarem em dia, o juro é zero.

Os 3 melhores planos de saúde para mei

Os 3 Melhores Planos de Saúde para MEI

Após formalizado através do Simples Nacional o Microempreendedor Individual (MEI) tem acesso ao CNPJ. Com o CNPJ ativo o MEI pode emitir notas fiscais, abrir conta empresarial em banco, solicitar empréstimos e tem acesso aos Planos de Saúde Empresarial que são mais baratos e com a mesma qualidade de atendimento oferecida para grandes empresas.

Cada operadora de plano de saúde tem suas próprias regras de comercialização e algumas exigem um número mínimo de participantes para fechar um contrato de Plano de Saúde Empresarial. Importante ressaltar que todas estão exigindo um mínimo de 02 vidas, sendo 1 titular e um dependente. A boa notícia é que para algumas operadoras esse dependente não precisa ser necessariamente um funcionário, pode ser um familiar por exemplo.

Abaixo confira as 3 melhores operadoras que estão fornecendo plano de saúde para mei com apenas 1 titular + 1 dependente (podendo ser um familiar):

1. Notredame Intermédica

Esta entre as melhores operadoras do país e possui uma média de 3,6 milhões de beneficiários. A NotreDame GNDI possui rede própria com 70 Centros Clínicos, 20 prontos-socorros e 17 hospitais. As Unidades possuem estrutura para proporcionar qualidade, segurança e acolhimento, com inúmeras especialidades para os públicos adulto e infantil.

Avaliação na ANS (nota de 0 à 1): 0.8898
Avaliação no Reclame Aqui: BOM

2. Amil

A Amil possui uma estrutura com 8 filiais em todo o Brasil. Essas filiais são localizadas em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Campinas, Belo Horizonte, Brasília, Recife e Fortaleza. Possui 1.818 Hospitais, 6.728 Laboratórios credenciados, 21.241 Consultórios e clínicas credenciadas e mais de 6,1 Milhões de clientes.

Avaliação na ANS (nota de 0 à 1): 0.7581
Avaliação no Reclame Aqui: BOM

3. One Health

A One Health foi lançada em 2009, em São Paulo, com o propósito de proporcionar soluções diferenciadas, inovadoras e relevantes para a saúde e a qualidade de vida dos seus clientes.

Avaliação na ANS (nota de 0 à 1): 0.8898
Avaliação no Reclame Aqui: BOM


Faça uma Cotação sem Compromisso


 

No Dia do Empreendedor, conheça os benefícios do MEI

No Dia do Empreendedor, conheça os benefícios do MEI

No Brasil, 5 de outubro é a data reservada no calendário para a celebração do Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa, também conhecido como o Dia do Empreendedor. Atualmente, o profissional dessa categoria é conhecido pela sigla MEI, ou Microempreendedor Individual. Já são mais de 7,4 milhões de brasileiros formalizados, que têm acesso a uma série de direitos, como benefícios previdenciários, a possibilidade de emitir notas fiscais e a oportunidade de vender seus produtos para o governo. Quer saber como se tornar um microempreendedor individual? Confira abaixo as principais informações sobre o MEI.

Requisitos

Para se tornar MEI, todo brasileiro deve atender às seguintes condições: ter faturamento limitado a R$ 81 mil por ano; não participar como sócio, administrador ou titular de outra empresa; ter, no máximo, um empregado; e exercer uma das atividades previstas na Resolução CGSN nº 140, de 2018. Além disso, é necessário ter, pelo menos, 18 anos de idade. A exceção ocorre nos casos de pessoas maiores de 16 anos e menores de 18 anos que sejam legalmente emancipadas.

Pensionistas e servidores públicos federais em atividade não podem fazer a inscrição no MEI. Já os servidores públicos estaduais e municipais devem ficar atentos às suas respectivas legislações locais, que podem variar de acordo com o estado ou município.

Como fazer

Totalmente gratuita, a formalização é feita pelo Portal do Empreendedor. Imediatamente após a conclusão do cadastro, é gerado o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual (CCMEI). O documento comprova a inscrição no CNPJ e na Junta Comercial do seu estado e vale como alvará de funcionamento do seu negócio.

Vantagens

Um dos principais benefícios do MEI é garantir a cobertura previdenciária não apenas dos empreendedores, mas também de seus dependentes. O sistema assegura o pagamento de aposentadoria por idade e por invalidez, auxílio-doença e salário-maternidade, desde que as carências previstas por lei tenham sido cumpridas. Já os dependentes têm direito à pensão por morte e ao auxílio reclusão.

A formalização como Microempreendedor Individual permite ainda o acesso a produtos e serviços bancários, como crédito; oferece apoio técnico do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), permite um baixo custo mensal com tributos; e garante a emissão do CNPJ sem burocracia, entre várias outras vantagens.

“É um programa simples, desburocratizado, gratuito, com redução a zero de todos os custos para a sua formalização”, destaca Fábio Silva, diretor de Empreendedorismo e Artesanato da Secretaria Especial da Micro e Pequena Empresa (SEMPE), vinculada ao Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

Obrigações

O dever do MEI é muito simples: basta pagar todo mês o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS), que é a maneira de o microempresário recolher impostos. O valor varia a cada ano de acordo com o salário mínimo. A quantia é definida da seguinte forma: 5% do salário mínimo vigente – valor que é destinado ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) – acrescido por R$ 5 de Imposto sobre Serviços (ISS), caso a atividade da empresa envolva serviços, ou por R$ 1 de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), se for comércio ou indústria.

Para imprimir o boleto de pagamento, basta acessar o Portal do Empreendedor ou baixar o aplicativo MEI Fácil. Além do DAS, os inscritos devem fazer anualmente a declaração do imposto de renda.

Notas fiscais

A emissão das notas fiscais é obrigatória quando o destinatário da mercadoria ou serviço for outra empresa, a não ser que esse destinatário emita nota fiscal de entrada. Quando o consumidor for pessoa física, no entanto, não é necessário emitir nota.

Atualização cadastral

Caso haja qualquer tipo de mudança nas informações pessoais do microempreendedor, como endereço, telefone e e-mail, por exemplo, o cadastro deve ser atualizado. “É fundamental isso para que o microempresário tenha acesso às políticas públicas formuladas para a categoria”, ressalta Fábio Silva.

Sebrae realiza palestra sobre como se tornar MEI na Capital

Sebrae realiza palestra sobre como se tornar MEI na Capital

O Sebrae/MS realiza no dia 26 de outubro, sexta-feira, em Campo Grande a palestra “Como se tornar um Microempreendedor Individual”, que acontece na sede da instituição (Av. Mato Grosso, 1661) em dois horários: pela manhã, das 08h30 às 10h30; e a tarde das 14h30 às 16h30.

Quem participar conhecerá as regras e requisitos necessários para a formalização; os valores com os quais o MEI deve contribuir e quais as responsabilidades o empreendedor terá; e as vantagens e benefícios ao se regularizar, como: emissão de nota discal, acesso a créditos especiais para pessoas jurídicas, auxílio-doença e maternidade, entre outros.

Inscrições e mais informações pela Loja Virtual ou na Central de Relacionamento do Sebrae, no 0800 570 0800.

Saiba como parcelar débitos do MEI com a Receita Federal

Saiba como parcelar débitos do MEI com a Receita Federal

Microempreendedor Individual pode solicitar o parcelamento de débitos de duas formas, ambas virtuais. A primeira é entrar no portal do Simples Nacional, no menu Simei Serviços, opção “Parcelamento”. O acesso deve ser feito por certificado digital ou por código de acesso gerado no próprio portal.

A outra alternativa é entrar pelo Portal e-CAC. Da mesma forma, o acesso deve ser feito por certificado digital ou por código de acesso gerado no próprio portal. Ao entrar na página, o usuário deve selecionar as opções Parcelamento – Microempreendedor Individual.

A senha gerada para o primeiro portal não é útil para acessar o segundo e vice-versa. Em ambas as opções, o usuário pode utilizar o documento da própria empresa (e-CNPJ); ou do responsável legal (e-CPF).

Para solicitar o parcelamento

Ao selecionar as opções acima, o contribuinte recebe uma mensagem para confirmar que “deseja parcelar os débitos não exigíveis, para fins de contagem da carência para obtenção de benefícios previdenciários”.

Antes de confirmar, é importante conferir todos os dados exibidos: valor do débito a ser quitado, número de parcelas e valor da primeira parcela. Se alguma das informações estiver ou parecer incorreta, o MEI deve comparecer à unidade de atendimento da Receita Federal mais próxima. Se estiver tudo certo, é só clicar em “Continuar”.

Para confirmar o parcelamento

Para confirmar o pedido, é preciso clicar em “Concluir”. O aplicativo vai emitir o Recibo de Adesão ao Parcelamento, que pode ser impresso. Para gerar o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS) da primeira parcela, clique em “Imprimir DAS”. O primeiro DAS deve ser pago até o vencimento para que o parcelamento seja confirmado.

MEI com um funcionário deverá aderir ao eSocial e usar certificação digital. Veja o que fazer

MEI com um funcionário deverá aderir ao eSocial e usar certificação digital. Veja o que fazer

A partir do dia 1º de julho, os 7,2 milhões de Microempreendedores Individuais (MEIs) e as 4,8 milhões de micro e pequenas empresas do país terão, obrigatoriamente, que possuir certificação digital para emitir nota fiscal eletrônica e enviar informações trabalhistas por meio do eSocial (www.esocial.gov.br). O objetivo dessa nova exigência é garantir a validade jurídica, a autenticidade e a segurança de dados nas transações feitas pela internet.

Para essas empresas que têm empregados (incluindo o MEI), o certificado digital será necessário para fazer o cadastramento e realizar consultas no eSocial (uma versão simplificada está sendo criada). Por meio desse portal, os patrões passarão a comunicar ao governo federal, de forma unificada, as informações relativas a seus empregados, como vínculos, contribuições previdenciárias, folha de pagamento, comunicações de acidente de trabalho, aviso prévio, escriturações fiscais e informações sobre o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

O e-Social, portanto, substituirá o preenchimento e a entrega de vários formulários e declarações (como GFIP, RAIS, CAGED e DIRF), reduzindo a burocracia.

Vale lembrar que o MEI, mesmo tendo um único funcionário (como permite a legislação), será obrigado a aderir ao eSocial. A ideia é que haja um banco de dados único administrado pelo governo federal. Ao todo, o sistema contemplará informações de mais de 40 milhões de trabalhadores e de oito milhões de empresas.

O MEI com um empregado, no entanto, continuará a usar o SIMEI — sistema de recolhimento dos tributos em valores fixos mensais do Simples Nacional voltado para o microempreendedor — para gerar a guia de recolhimento relativa à sua atividade com dono de um negócio formalizado. Aliado a isso, passará a utilizar o eSocial para o cumprimento de obrigações trabalhistas, fiscais e previdenciárias relativas ao trabalhador que ele empregar.

Para os MEIs que não têm um empregado, o SIMEI continuará como único sistema de recolhimento dos tributos.

Outras vantagens

Com o certificado, também será possível assinar contratos e documentos digitalmente, sem a necessidade de reconhecimento de firma em cartório; além de fazer declarações; preencher cadastros e consultar obrigações junto à Receita Federal, como Imposto de Renda (para pessoa física ou para pessoa jurídica). Isso sem emissão de papéis e deslocamento, economizando tempo e dinheiro.

A certificação digital padrão ICP Brasil pode ser solicitada via Correios, Serasa ou Caixa Econômica Federal, por exemplo. Existem dois tipos: A1 ou A3.

O A1 é gerado e armazenado no computador do titular, dispensando o uso de cartões inteligentes ou tokens. Tem validade de 1 ano.

O A3 é igual ao A1, mas fica disponível em um dispositivo, podendo ser utilizado em qualquer computador. Tem validade de 3 anos.

Como obter a certificação digital

Nos Correios

A primeira etapa deverá ser feita pela internet. O interessado deverá acessar o site www.correios.com.br/servicos-financeiros/certificado-digital/ e solicitar o certificado digital, de acordo com sua necessidade.

A segunda etapa consiste em procurar uma agência dos Correios (a lista está no mesmo site citado acima). Mas, antes, é preciso ligar e agendar o atendimento para levar os documentos necessários, conforme o tipo de certificado digital a ser emitido.

O valor mínimo para pessoa jurídica é de R$ 232 (certificado A1 – arquivo digital), com validade por 12 meses.

Na Serasa

Basta consultar o site https://serasa.certificadodigital.com.br/. A versão mais barata para pessoa jurídica (certificado A1 – arquivo digital) custa R$ 209, com validade por 12 meses. Aceita o parcelamento em 12 vezes.

Na Caixa Econômica Federal

Neste caso, a versão mais barata (A1 – arquivo digital) para pessoa jurídica custa R$ 240, com validade de 12 meses. Acesse http://www.certificado.caixa.gov.br/.

Fonte: https://extra.globo.com/noticias/economia/mei-com-um-funcionario-devera-aderir-ao-esocial-usar-certificacao-digital-veja-que-fazer-22801546.html

Amil Plano de Saúde

Amil Plano de Saúde Individual, Empresarial e Coletivo

A Amil possui planos de saúde individuais/familiares, coletivos por adesão e empresariais com rede médica e hospitalar exclusiva e de qualidade. São 1.773 hospitais e 20.557 consultórios e clínicas credenciadas em todo o Brasil. Com mais de 40 anos de experiência possui 5,9 milhões de clientes, atendendo 24.727.625 consultas e 68.700.017 exames por ano.

Para te ajudar a conhecer melhor a Amil e todas as opções que essa operadora de plano de saúde oferece, criamos esse artigo e vamos abordar os seguintes tópicos:

  1. Breve História da Amil
  2. Amil Plano Individual e Familiar
  3. Amil Coletivo por Adesão
  4. Amil Plano de Saúde Empresarial
  5. Avaliação da Amil na ANS
  6. Avaliação da Amil no Reclame Aqui

Breve história da Amil

A origem da Amil foi a Casa de Saúde São José, que era uma clínica de porte pequeno, localizada em Duque de Caxias, na cidade de Fluminense. Foi conhecida na época de 1977 como a maior maternidade privada do Rio de Janeiro.

Com a compra das clínicas Somicol e Santa Rita houve um grande crescimento perante o mercado. Com esse crescimento foi necessário criar uma empresa para administrar todo esse grupo, foi que nasceu a Empresa de Serviços Hospitalares (Esho).

Foi em 1978 com os recursos adquiridos da Esho que a Amil Assistência Médica Internacional foi criada. E desde então, nesses últimos 40 anos a Amil é referência ganhando prêmios e promovendo saúde em todo o Brasil.

Prêmios recebidos pela Amil

Amil - Melhor atendimento ao cliente entre as operadoras de saúde privada.Melhor atendimento ao cliente entre as operadoras de saúde privada.

Ranking “Exame/IBRC de Atendimento ao Cliente 2016” Revista Exame/IBRC

Amil - Marca mais valiosa entre as operadoras de saúde privada.

Marca mais valiosa entre as operadoras de saúde privada.

Ranking “As Marcas Mais Valiosas do Brasil em 2017” Isto É Dinheiro

Amil - Empresa mais inovadora entre as operadoras de saúde privadaEmpresa mais inovadora entre as operadoras de saúde privada.

Ranking “Prêmio Valor Inovação Brasil” Jornal Valor Econômico

Amil plano individual e familiar

A Amil possui um plano de saúde individual e familiar e atende 6 milhões de beneficiários no Brasil. A Next Saúde é um produto/empresa da Amil, e é através dessa que é efetuada a comercialização do plano de saúde individual.

Veja abaixo um vídeo institucional apresentando a Next Saúde, produto da Amil.

Diferenciais do plano individual

O grande destaque fica para a agilidade do acesso aos serviços do plano. Após 24 horas da contratação o beneficiário já terá acesso a consultas e exames básicos. Isso é algo extremamente raro no mercado de planos de saúde. Além desse diferencial vamos abordar mais alguns:

Cobertura completa

Internações, procedimentos, exames e consultas. Por um preço inferior a uma consulta, você passa a ter toda a garantia de um plano de saúde.

Rede médico-hospitalar exclusiva e de qualidade

Acesso a hospitais, serviços e profissionais altamente qualificados.

Carência reduzida

Após contratação, carência de apenas 24 horas para consultas e exames básicos.

Acesso ao Clube Vida de Saúde

São unidades que contam com o Médico de Família, responsável pela gestão da sua saúde como um todo, em um cuidado próximo e continuado.

Promoção Saúde em Dobro.

Adquirindo agora o seu plano individual, você pode praticar atividades físicas na academia Smart Fit sem custo adicional*. Você só tem a ganhar.

Reajuste anual controlado pela ANS.

No plano individual o reajuste anual é regulado pela Agência de Saúde Suplementar. Isso deixa tudo mais fácil e previsível para você.

Hospitais de destaque

No momento o plano individual da Amil, Next Saúde, está presente nos municípios de São Paulo e Guarulhos. Confira a lista dos hospitais disponíveis:

Município de São Paulo

  • Hospital da Luz – SP – Zona Central
  • Hospital da Luz – Unid. Avançada Cerqueira César – SP – Zona Sul
  • Next Clínica Santo Amaro – SP – Zona Sul
  • Next Clínica Tatuapé – SP – Zona Leste
  • Next Hospital Butantã – SP – Zona Oeste
  • Next Hospital Santo Amaro – SP – Zona Sul
  • Unidade Avançada Cubatão – SP – Zona Central
  • Clube Vida de Saúde – Adolfo Pinheiro – SP – Zona Sul
  • Clube Vida de Saúde – Ana Rosa – SP – Zona Central
  • Clube Vida de Saúde – Butantã – SP – Zona Oeste
  • Clube Vida de Saúde – Santana – SP – Zona Norte
  • Clube Vida de Saúde – Tatuapé – SP – Zona Leste

Município de Guarulhos

  • Next Hospital Guarulhos – SP – Guarulhos
  • Pronto-Socorro de Pediatria e Ortopedia – SP – Guarulhos
  • Clube Vida De Saúde – Tatuapé – SP – São Paulo
  • Next Clínica Especialidades – SP – Guarulhos
  • Next Clínica Mulher – SP – Guarulhos
  • Next Clínica Multimagem – SP – Guarulhos
  • Next Clínica Ortopedia – SP – Guarulhos
  • Next Clínica Pediatria – SP – Guarulhos
  • Next Clínica Promoção da Saúde – SP – Guarulho

Sobre dependentes

O plano de saúde para pessoa física da Amil / Next Saúde, pode ser contratado nas modalidades individual e familiar.

Para contratação da modalidade individual, é necessário que o titular seja maior de idade, ou menor de idade assistido por um responsável legal.

Na modalidade familiar, existem duas formas de contratação:

  • Familiar I: Titular e filho(s) de até 23 anos 11 meses e 29 dias;
  • Familiar II: Titular, cônjuge com ou sem filhos de até 23 anos 11 meses e 29 dias;

Doença pré-existente e declaração de saúde – Dica da corretora

Para contratar qualquer plano de saúde, é necessário preencher um formulário com perguntas sobre seu estado de saúde. O objetivo é investigar se você tem conhecimento de doenças ou lesões pré-existentes.

Fique atendo pois nenhum plano de saúde está autorizado a perguntar sobre seus hábitos de vida, sintomas ou uso de medicamentos. O formulário não pode ter  perguntas com termos técnicos que você desconheça, as perguntas tem que ser em linguagem usual, de fácil entendimento.

É de extrema importância que você não omita informações, pois poderá ter problemas de atendimento mais tarde. Fazendo uma declaração de saúde correta, vai garantir que a operadora não negue atendimento, alegando que é decorrente de uma doença ou lesão omitida.

Não se preocupe, a operadora não pode negar atendimento para doenças ou lesões pré-existentes.

Amil coletivo por adesão

Profissões Plano de Saúde Coletivo por Adesão - Seguro Saúde Online

O plano de saúde coletivo por adesão, é um plano comercializado apenas para pessoas jurídicas, de caráter profissional, classista ou setorial. Conselhos, sindicatos e associações profissionais, como por exemplo CREA, CAASP/OAB, APCD entre outros.

É um plano de saúde mais barato, com valor até 30% menor que um plano de saúde individual/familiar.

Por ser um plano de saúde coletivo, o valor pode chegar a ser até 30% mais barato que um plano de saúde individual/familiar. Isso devido a parceria dos sindicatos, conselhos e associações profissionais com a Amil que fornece um plano de qualidade e por um preço acessível.

Segundo dados da ANS os planos de saúde coletivos correspondem por cerca de 80% do total de planos de saúde do país.

Quem pode participar do plano de saúde coletivo por adesão da Amil

O interessando em ter acesso a um plano de saúde coletivo por adesão deve estar vinculado a uma pessoa jurídica de caráter profissional, classista ou setorial. Um exemplo, um engenheiro que é inscrito no CREA, que por sua vez tem parceria com Amil que fornece o plano exclusivo para engenheiros pelo CREA. É permitido o vinculo com as seguintes pessoas jurídicas:

  • Conselhos profissionais
  • Entidades de classe
  • Sindicatos
  • Centrais sindicais e respectivas federações e confederações
  • Associações profissionais legalmente constituídas
  • Cooperativas de profissões regulamentadas
  • Caixas de assistência e fundações de direito privado

Também serão aceitos os familiares dos beneficiários desde que possuam até o terceiro grau de parentesco consanguíneo e até o segundo grau de parentesco por afinidade, ou sejam cônjuges ou companheiros (as), se assim estiver previsto no contrato.

Entidades, sindicatos e associações profissionais parceiras da Amil

  • AASP (Planos de Saúde para Advogados e Estagiário de Direito)
  • ABBDIR (Planos de Saúde para Bacharéis em Direito)
  • ABPL (Planos de Saúde para Profissionais Liberais)
  • ABRE (Plano de Saúde para Profissional Liberal)
  • ADPESP (Planos de Saúde para Delegados)
  • AFB (Planos de Saúde para Fisioterapeutas)
  • AFPB (Planos de Saúde para Funcionários Públicos)
  • AFPESP (Planos de Saúde para Funcionários Públicos)
  • AJUFE (Planos de Saúde para Juiz Federal)
  • ANER (Planos de Saúde para Servidor Público)
  • APADEP (Planos de Saúde para Defensor Público)
  • APAMAGIS (Planos de Saúde para Magistrado)
  • APCD (Planos de Saúde para Dentistas)
  • APLER (Planos de Saúde para Profissionais Liberais)
  • APM (Planos de Saúde para Médicos)
  • ASPB (Planos de Saúde para Servidor Público)
  • CAASP (Planos de Saúde para Advogados e Estagiário de Direito)
  • CECOMÉRCIO (Planos de Saúde para Empregado e Empregador do Comércio)
  • CONRERP-2 (Planos de Saúde para Profissional de Relações Públicas)
  • CORECON (Planos de Saúde para Economistas)
  • COREN-SP (Planos de Saúde para Enfermeiro)
  • CRA-SP (Planos de Saúde para Administradores e Estudantes de Administração)
  • CRC-SP (Planos de Saúde para Contadores0
  • CREA-SP (Planos de Saúde para Profissionais do Crea)
  • CREF4-SP (Planos de Saúde para Profissional de Educação Física)
  • CREFITO-3 (Planos de Saúde para Fisioterapeuta)
  • CRMV-SP (Planos de Saúde para Veterinários)
  • CRN-3 (Planos de Saúde para Nutricionista)
  • FEBEUS (Planos de Saúde para Estudantes)
  • FECOMERCIÁRIOS (Planos de Saúde para Empregados do Comércio)
  • FECOMERCIO-SP (Planos de Saúde para Empregador do Comércio)
  • FNA (Planos de Saúde para Arquiteto e Urbanista)
  • FNO (Planos de Saúde para Dentista)
  • MÚTUA (Planos de Saúde para Profissionais do CREA)
  • SAESP (Planos de Saúde para Administradores)
  • SIMPI (Planos de Saúde para Profissional da Pequena e Média Indústria)
  • SINDCINE (Planos de Saúde para Cinematográfico)
  • SINDCONT-SP (Planos de Saúde para Contabilista)
  • SINDILEGIS (Planos de Saúde para Servidor Público)
  • SINDIRECEITA (Planos de Saúde para Analista Tributário)
  • SINDPF-SP (Planos de Saúde para Delegado de Polícia)
  • SINFAR (Planos de Saúde para Farmacêutico)
  • SINPEEM (Planos de Saúde para Professor)
  • SINPRO-ABC (Planos de Saúde para Professor)
  • SINPSI (Planos de Saúde para Psicólogos)
  • SINQUISP (Planos de Saúde para Químico)
  • SNA (Planos de Saúde para Aeroviário)
  • UBES (Planos de Saúde para Estudantes)
  • UNE (Planos de Saúde para Estudantes)

Amil plano de saúde empresarial

Plano de Saúde Empresarial Amil

O plano de saúde empresarial da Amil está disponível para empresas com no mínimo 02 vidas. Possui ampla rede credenciada e disponibiliza opções, com ou sem coparticipação e planos com apartamento ou enfermaria.

O plano de saúde empresarial da Amil é destaque e conta com uma das redes credenciadas mais completa do mercado. São mais de 1.818 hospitais e 21.241 consultórios e clínicas em todo o Brasil.

Diferenciais do plano empresarial da Amil

Pensando sempre em inovar e ajudar as pessoas a viver de forma mais saudável a Amil criou uma estrutura de atendimento que oferece diferenciais de alto padrão. 

Amil Resgate Saúde 

  • Completo sistema de transporte inter-hospitalar, certificado pela Joint Commission International; 
  • Ambulâncias, helicópteros e jato aparelhados com a mais avançada tecnologia médica; 
  • Profissionais treinados para realizar procedimentos de alta complexidade; 
  • Completa estrutura de atendimento no Centro de Emergências Médicas, em Alphaville, na região de Barueri (SP). 

Total Care 

  • Total estrutura para quem necessita de cuidados especiais.* 
  • Completo centro de prevenção, diagnóstico e tratamento. 
  • Equipe médica multidisciplinar. 

*Verifique no seu estado a disponibilidade do serviço, além das especialidades e condições para atendimento. 

Amil Assistência Multiviagem 

  • Aditivo opcional que oferece cobertura para viagens internacionais. 
  • Garante assistência médica e farmacêutica, remoção inter-hospitalar, repatriamento médico e auxílio financeiro em caso de extravio de bagagem, entre outras coberturas. 

UCP – Unidade de Correção Postural  

  • Um moderno centro de diagnóstico, tratamento e prevenção das patologias posturais. 
  • A metodologia da UCP tem conseguido reverter quadros clínicos graves, evitando até a realização de cirurgias. 

GPAR – Gestão de Pacientes de alto Risco 

O sistema GPAR identifica e classifica os indivíduos que possuem alto risco de desenvolvimento de doenças crônicas. Isso nos permite monitorar nossos pacientes, realizando um acompanhamento constante e altamente eficaz.

Benefícios do plano de saúde empresarial para sua empresa

Com o plano de saúde empresarial, quem sai ganhando não são apenas os colaboradores. As empresas que ofertam esse benefício para seu quadro de funcionários também saem ganhando. Confira alguns dos benefícios para as empresas:

Produtividade dos colaboradores

Para empresa, o primeiro benefício em oferecer um plano de saúde empresarial, está relacionado a produtividade dos colaboradores. Afinal, o empregador está oferecendo para seu colaborador tranquilidade, saúde e paz em saber que se precisar, ele e sua família terá acesso a um serviço de qualidade.

Retenção de talentos

Hoje achar bons colaboradores, engajados e comprometidos com a empresa é difícil. Isso aliado a rotatividade, que sempre traz mais custos para a empresa, é um pesadelo para a gestão. Oferecer um plano de saúde, ajuda a reter talentos, além de engajar os colaboradores com a empresa.

Dedução de impostos

É possível para empresa que oferece um plano de saúde empresarial aos seus colaboradores, aliviar a carga tributária anual através de uma dedução do imposto de renda em cima dos valores gastos com o plano.

Entenda a carência no plano empresarial – Dica da corretora

A carência do plano de saúde empresaria possui diferenças em comparação aos planos individuais/familiares.

Para uma empresa com 30 participantes ou mais, do momento da assinatura do contrato até 30 dias, os beneficiários incluídos têm isenção de carência.

Para os funcionários novos, ou seja, incluídos após 30 dias da assinatura do contrato, a operadora poderá exigir o cumprimento dos prazos de carência e de cobertura parcial temporária.

Cada operadora tem liberdade para determinar os prazos de carências de cada plano desde que respeitem o limite máximo especificado pela ANS, que são:

SituaçãoTempo a ser aguardado após a contratação do plano de saúde*
Casos de urgência (acidentes pessoais ou complicações no processo gestacional) e emergência (risco imediato à vida ou lesões irreparáveis)24 Horas
Partos a termo, excluídos os partos prematuros e decorrentes de complicações no processo gestacional300 dias
Doenças e lesões preexistentes (quando contratou o plano de saúde, a pessoa já sabia possuir)**24 meses
Demais situações180 dias

Sobre a Coparticipação – Dica da corretora

Esse é outro ponto importante que afeta diretamente no valor do plano de saúde empresarial.

A coparticipação é um valor pago pelo beneficiário apenas quando utilizar determinado procedimento (consulta, exame ou internação). Para o caso de internação a cobrança da coparticipação não pode ser feita de forma percentual.

Com a opção de coparticipação escolhida, a mensalidade do plano fica mais barata para empresa. Porém, vale destacar que existem alguns limites na cobrança da coparticipação, que são:

  • A coparticipação não pode ser no valor total do procedimento por parte do consumidor.
  • A coparticipação não pode ter um valor tão alto a ponto de impedir o acesso do beneficiário.
  • O valor não pode ultrapassar 40% do valor total do procedimento que o beneficiário utilizou.

Avaliação da Amil na ANS

A ANS (Agencia Nacional de Saúde) é o órgão regulador de todas as operadoras de planos de saúde. A Amil está registrada sobre o número 32630-5. Com esse número você pode entrar no site da ANS e verificar todas as informações da operadora.

As notas de desempenho da ANS variam de 0 à 1 e levam em consideração os seguintes critérios de avaliação:  

  • IDGA – Garantia de Acesso 
  • IDGR – Gestão de Processos e Regulação 
  • IDQS – Qualidade em Atenção à Saúde 
  • IDSM – Sustentabilidade no Mercado 

Com todos esses critérios analisados a Nota Geral da Amil é: 0.8898

A Amil, possuiu uma ótima avaliação perante a ANS. Você pode ver a avaliação completa no site da ANS clicando aqui. 

Avaliação da Amil no Reclame Aqui

O Reclame Aqui é o site mais usado no Brasil para fazer reclamações de empresas, quando os métodos convencionais de atendimento não resolvem o problema. Antes de contratar qualquer serviço, verificar a empresa no Reclame Aqui é uma ótima ideia. 

É importante ressaltar que problemas sempre existirão em todas as empresas que prestam serviços, o que realmente importa é a habilidade da empresa em atender, ouvir e resolver os problemas apresentados por seus clientes.

A Amil possui no Reclame Aqui uma avaliação BOA com os seguintes números: 

  • 7151 reclamações efetuadas 
  • 7123 reclamações respondidas 
  • 99,6% de reclamações atendidas 
  • Índice de solução de 70,6% 

Para ver a análise completa do Reclame Aqui da operadoras Amil, clique aqui.

Planos de saúde mais baratos

Planos de saúde mais baratos

Achar Planos de saúde mais baratos não é impossível, é resultado de uma análise de perfil mais pesquisa de mercado. São tantas opções de planos de saúde, que com certeza existe uma que irá encaixar nas suas necessidades.

Planos de saúde mais baratos e de qualidade existe?

Descontos em Planos de SaúdeSim! planos de saúde mais baratos e de qualidade existe, e você vai se surpreender ao saber que até excelentes operadoras de planos de saúde têm preços acessíveis.

Na correria do dia a dia é normal fazermos opções mais fáceis, rápidas e sem muita pesquisa. Não acredite quando te falam que não acharam opções mais baratas de planos de saúde, pois elas existem.

Para você conseguir achar o seu plano de saúde mais barato, primeiro você vai precisar entender mais sobre esses produtos. Calma, não vai ser complicado e no final você vai saber exatamente qual melhor opção para seu perfil.

Você percebeu que usamos muito a palavra perfil até agora? Isso porque seu perfil é determinante na hora de escolher seu plano de saúde.

Sobre o seu Perfil

O seu perfil é um conjunto de informações pessoais que determinarão o tipo de plano de saúde que você poderá escolher. Você deve estar pensando: Existe mais de um tipo de plano de saúde? A resposta é sim, mas, calma que chegaremos lá.

Ainda sobre o seu perfil, as informações necessárias para traça-lo são: sua idade, sua profissão, se você possui dependentes e se você possui CNPJ. Vamos explicar a importância de cada uma dessas informações.

Sua Idade

Essa você já deve saber, a idade é o fator determinante na composição do plano de saúde. Quanto mais idade você tem mais caro o seu plano será. A boa notícia é que, as outras informações de seu perfil poderão amenizar o valor de seu plano.

Dependentes

Os dependentes são as pessoas que farão parte do plano com você. Quanto maior o número de integrantes, maior o valor será. Dito isso, existem descontos por números de integrantes, amortizando assim um pouco o valor final.

Sua Profissão

Planos de Saúde Coletivos por Adesão Profissões

Poucos sabem que a profissão pode baratear e muito o seu plano de saúde. Várias profissões em associação a sindicatos ou entidades de classe, oferecem descontos de até 30% em planos de saúde. Então, antes de fazer um plano de saúde como pessoa física, lembre-se de checar se sua atividade profissional está habilitada para esse desconto.

CNPJ

Mais um ponto extremamente importante que quase ninguém sabe. Se você tem CNPJ, o seu plano pode custar até 40% a menos que um plano convencional. Você ainda pode adicionar beneficiários, que podem ser familiares ou empregados.

Essa diferença de valor ocorre por que utilizando o CNPJ você entra na categoria de planos de saúde empresariais. Os planos empresariais são coletivos e por isso possuem valores menores em relação aos individuais.

Acho que agora ficou claro o porquê que o seu perfil é determinante no preço final do seu produto.

Essas são as informações básicas para traçar um perfil, mas ainda existem outros fatores. Não deixe de procurar uma corretora para uma análise profissional.

Com o perfil traçado corretamente, é possível selecionar o tipo de plano de saúde mais adequado. Existem dois principais tipos de planos de saúde e vamos falar deles agora.

Tipos de Planos de Saúde

Basicamente existem dois tipos de planos de saúde, os Planos Individuais que com dependentes se tornam Familiares e os Plano Coletivos. A grande diferença entre eles é que o Plano Coletivo é comercializado exclusivo para pessoas jurídicas.

Planos de Saúde Individuais/Familiares

São planos comercializados diretamente para pessoa físicas e seus dependentes. São os mais conhecidos pelo público geral e até pouco tempo atrás era o mais comercializado. Para essa categoria de planos de saúde é possível encontrar valores atrativos, mas vai depender da cidade, da idade e número de participantes.

Planos de Saúde Coletivos

Dentro dessa categoria de planos de saúde, ainda existem os Planos de Saúde Empresariais e os Planos de Saúde Coletivos por Adesão. Como o nome mesmo diz, são planos coletivos, são comercializados para grupos de pessoas, o que impacta e muito o preço final.

Planos de Saúde Coletivos por Adesão

Um exemplo seria o seguinte, você é Advogado e Advogados são associados a OAB. A OAB possui uma entidade de classe chamada CAASP que negocia com as operadoras de planos de saúde um valor especial para todos os Advogados.

Não só Advogados como até mesmo estagiários de direito podem usufruir de um desconto de até 30% no plano de saúde.

Acima usamos como exemplo a profissão Advogado, porém, quase todas as profissões possuem sindicatos ou entidade de classe que as representam. Note que esse desconto é possível, pois é negociado por um grupo empresarial para uma classe inteira de trabalhadores.

Planos de Saúde Empresariais

Os Planos de Saúde Empresariais são comercializados para pessoas jurídicas com um número mínimo de integrante. Empresas contratam esse tipo de plano de saúde para seus colaboradores, assim melhorando a qualidade de vida e valorizando o trabalhador.

Existem hoje no mercado operadoras que ofertam planos empresariais com no mínimo 02 vidas. Isso abre as portas para os Microempresários, como o MEI por exemplo. Então caso você não seja uma empresa, mas possui um CNPJ, você também poderá contratar essa categoria.

Uma informação que poucos conhecem é que algumas operadoras permitem a inclusão de dependentes familiares no Plano Empresarial. Então se você é MEI , ou tem CNPJ e não possui funcionários, você poderá incluir seus dependentes no plano também.

Com toda essa informação, já está ficando mais fácil entender como contratar planos de saúde mais baratos.

Comparação de Planos de Saúde

Agora vamos para a parte mais interessante desse artigo para você. Fizemos um comparativo para mostrar como é possível economizar na hora de contratar seu plano de saúde.

Vamos comparar um plano de saúde individual da operadora Amil, com um plano de saúde coletivo por adesão da mesma operadora.

Veja o print que tiramos da tabela da Amil com valores para Plano de Saúde Individual

Print Tabela Amil Individual

Agora comparem com o print da tabela da Amil com valores para o Plano de Saúde Coletivo por Adesão

Print Tabela Amil Coletivo por Adesão

Utilizamos acima a Amil, porem, pode ficar melhor ainda, veja abaixo o print que tiramos da tabela da operadora NotreDame de um Plano de Saúde Coletivo por Adesão.

Print Tabela Notredame Coletivo por Adesão

Caso você tenha CNPJ o valor pode ficar mais barato ainda.

Você já deve ter uma noção melhor de como contratar um plano de saúde mais barato. Agora é muito importante que você entre em contato uma corretora de seguros para fazer sua cotação. A corretora tem um papel fundamental para te auxiliar na melhor escolha.

Papel da Corretora na hora da escolha de um plano de saúde mais barato

Ter uma boa e honesta corretora de seguros no momento da contratação de um plano de saúde afeta diretamente no valor que você vai pagar.

Além de tudo que foi explicado nesse artigo, ainda existem diversos outros pontos que podem impactar baratear ou encarecer seu plano. Por isso o papel da corretora de plano de saúde é fundamental no momento da escolha de seu plano. É ela que irá traçar seu perfil e buscar dentre as operadoras de planos de saúde mais adequada para sua necessidade.

-> Clique aqui e conheça a Segura Saúde Online, corretora com mais de 10 anos no mercado de seguros.

Agora, como você pretende contratar seu plano de saúde? Pelo CNPJ? Ou pela sua Profissão? Entre em Contato e Faça um Cotação.